cidadegospel

terça-feira, 4 de julho de 2017

Junho registrou aumento no número de homicídios em Feira: confira também a estatística do 1º semestre de 2017

No mês de junho passado, foram registrados 22 homicídios no município de Feira de Santana, de acordo com dados da Polícia Civil. O número é superior aos 14 homicídios registrados no mesmo período do ano passado.

A maioria dos crimes foi praticada por disparos de arma de fogo, tendo dois assassinatos ocorridos por espancamento e uma pessoa morreu atingida por golpes de faca. Ainda no mês passado foram registrados dois latrocínios (roubo seguido de morte), além de três autos de resistência ( troca de tiros com policiais), totalizando 24 mortes violentas.

Um menor foi morto no mês passado, e duas pessoas foram executadas por homens que fugiram em motocicletas.

Bairros onde ocorreram crimes em junho
Conceição – 3 homicidios 
Baraúnas – 2
Queimadinha, Aviário, Tomba, Novo Horizonte, Mangabeira, Parque Getúlio Vargas, Barroquinha,Asa Branca, Sobradinho, São João do Cazumbá, Irmã Dulce, Nova Esperança, Cidade Nova, Jardim Sucupira e Ponto Central, contabilizaram 1 homicídio, cada.

Distritos
Bonfim de Feira e Matinha registraram 2 homicídios, cada.

Confira os homicídios registrados no mês de junho, nos últimos anos:
2017- 22 homicídios
2016 -14 
2015- 23 
2014- 20
2013- 33
2012- 32
2011- 30
2010- 37
2009- 25
2008- 19
2007- 21
2006- 19

ESTATÍSTICA DO 1º SEMESTRE DE 2017
Em todo o semestre foram registrados 178 homicidios, 22 autos de resistência , 13 latrocínios (roubo seguido de morte), e 2 óbitos excludentes. Também foi registrada uma morte no Conjunto Penal, totalizando 216 mortes violentas. 

Pelo menos 28 menores, 11 mulheres foram vítimas de homicídio no semestre passado.

Meses de 2017
Janeiro- 25 homicídios
Fevereiro- 29
Marco -33
Abril-42
Maio-27
Junho-22

OUTROS SEMESTRES

1º semestre de 2016
Além dos 185 homicídios, a polícia registrou no primeiro semestre, oito latrocínios (roubo seguido de morte) e 26 mortes em decorrência de ação policial, gerando um total de 219 mortes violentas. Dentre as vítimas de homicídios e latrocínios, 188 foram homens e nove mulheres.

Ainda de acordo com o levantamento, 176 homens foram mortos a tiros e nove a facadas. Em relação às mulheres, oito foram assassinadas a tiros e uma a facadas. Vinte e quatro menores foram assassinados.

1º semestre de 2015
Nesse período, 146 assassinatos foram registrados no município de Feira, e também ocorreram 13 autos de resistência (troca de tiros entre policiais e bandidos). Houve também 9 mortes no presídio de Feira de Santana, ocorridas durante rebelião.

Quatro latrocínios (roubo seguido de morte) marcaram o período, o que gerou um total de 172 mortes violentas no ano.

Relembre os crimes que mais chamaram a atenção em junho deste ano

Homem executado dentro de carro na Estrada do Feijão
O homem encontrado assassinado na manhã de segunda-feira (26) na BA 052, conhecida Estrada do Feijão, e próximo da entrada para o distrito de Bonfim de Feira, em Feira de Santana, foi identificado como Ranulfo Pereira dos Santos Neto, 39 anos, que morava no município de Ipirá. Segundo informações, a vítima trabalhava no transporte alternativo de passageiros de Ipirá para Feira de Santana e foi encontrada morta com vários tiros no interior de um veículo Fiat Punto, branco. A delegada Ludmila Vilas Boas informou que durante a perícia foi verificado que Ranulfo ainda foi retirado do carro e sofreu novos disparos.

Assassinato na Favela da Alimba
Um homem identificado como João Alberto de Queiroz, 36 anos, foi executado com vários tiros por volta das 12h30 de sábado (24), próximo da casa onde morava, na Favela da Alimba, bairro Novo Horizonte, em Feira de Santana. A vítima foi atingida por um tiro de grosso calibre no olho esquerdo e também tinha várias perfurações provocadas por balas de calibre menor em outras partes do corpo. O carro de João Alberto, com placa de Aramarí, estava próximo e a casa estava com a porta aberta. A polícia esteve na residência em busca de pistas, mas não há informação sobre motivação e autoria do crime.

Vendedor ambulante é assassinado embaixo de viaduto
O jovem Ramiro Santos Sales, de 23 anos, foi assassinado com um tiro na cabeça por volta das 15h de quinta-feira (22), na rua Guilherme Azevedo, embaixo do viaduto do Tomba, em Feira de Santana. Segundo informações da polícia, o rapaz vendia amendoim e outros produtos juninos quando foi surpreendido por três homens que estavam em um veículo Corsa, sedan, vermelho, de placa não anotada. Ainda de acordo com a polícia, os criminosos se aproximaram e tentaram atirar várias vezes na vítima, mas apenas um cartucho foi deflagrado. Em seguida, utilizaram pedras e outros objetos contra o jovem.

Jovem é morto ao sair de casa
Um jovem foi assassinado com vários tiros por volta das 14h de terça-feira (20), no bairro Baraúnas, em Feira de Santana. A vitima foi identificada como Leonardo de Jesus dos Santos, também conhecido como “Léo Porquinho”,26 anos, e morava na rua Petronílio Pinto, no mesmo bairro. Segundo informações, ele saiu de casa para ir a um mercadinho localizado na mesma rua quando foi surpreendido por homens que estavam em um veículo Gol, verde, de placa não anotada. Atingido por vários disparos, o jovem morreu na hora.

Taxista é assassinado no bairro Conceição
O taxista Evanildo de Souza Ferreira, 50 anos, foi morto com quatro tiros por volta das 22h de segunda-feira (20), na rua da Penha, próximo ao cruzamento com a rua Penha, bairro Conceição II, em Feira de Santana. O crime aconteceu no interior do veículo táxi, um Siena, branco, de placas OZF-8922. O taxista foi atingido com três tiros na nuca e um no pescoço. A polícia ainda não tem informação sobre o motivo e autoria do crime, mas de acordo com o delegado Fabrício Linard, que esteve no local com uma equipe da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), a suspeita é de latrocínio (roubo seguido de morte). Ainda de acordo com o delegado, apesar de não terem levado o veículo, familiares deram pela falta do celular da vítima. O delegado informou que a perícia vai revelar como o crime foi cometido, mas os tiros deflagrados na nuca do taxista e apenas um disparo ter atingido o vidro do lado do motorista apontam que o autor estava no interior do veículo.

Homem é executado enquanto jogava dominó
Um homem identificado como Agnailton Santos da Silva, 31 anos, foi executado com vários tiros por volta do meio-dia de quarta-feira (14), na rua dos Palmares, bairro Jardim Sucupira, em Feira de Santana.Segundo informações, Agnailton estava sentado ao lado de um bar e jogando dominó com outras pessoas, quando foi surpreendido por dois homens que estavam em um veículo de dados ignorados e dispararam contra ele. Segundo a polícia, a vítima era o único alvo dos criminosos, enquanto as outras pessoas foram poupadas. Agnailton foi atingido por vários disparos e morreu sentado. 

Crime é registrado no viaduto da Cidade Nova
O jovem Roque da Silva Júnior, 24 anos, foi assassinado com 4 tiros no início da tarde de domingo (11) no Complexo Viário Dr. Miraldo Gomes, bairro Cidade Nova, em Feira de Santana. Segundo informações, a vítima trafegava com uma moto Biz, vermelha, placa OVA-5147, quando foi surpreendido por dois homens que estavam em uma motocicleta Honda XRE, branca, de placa não anotada. Atingido por quatro disparos que atingiram a nuca, a cabeça e costas, o jovem teve morte instantânea.

Duplo homicídio na Matinha
Duas pessoas foram assassinadas e uma terceira foi ferida na tarde de domingo (11), na localidade de Lagoa Salgada, distrito da Matinha, em Feira de Santana. Segundo a polícia, desconhecidos que ocupavam um veículo Fox, de dados ignorados, chegaram atirando e mataram Leonardo Barbosa Ribeiro, 22 anos, que morava no distrito de Maria Quitéria, e Wellington dos Santos Maia Júnior, 20, que residia no bairro Mangabeira. A motivação e identificação dos autores do crime ainda são desconhecidas. 

Cabeleireiro é assassinado dentro de salão
O cabeleireiro Rúbens da Conceição Pimentel, que tinha 45 anos, foi assassinado com vários tiros por volta das 20h de sábado (10), na rua Branca, bairro Conceição I, em Feira de Santana.Segundo informações, Rúbens estava dentro do próprio local de trabalho quando desconhecidos invadiram o estabelecimento e o atingiram com tiros na cabeça e tórax. O delegado Gustavo Coutinho, titular da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) presidiu o levantamento cadavérico. 

Irmão mata outro por causa de sandália

Na madrugada de sábado (10), um homem de 37 anos foi espancado na rua Pavani,bairro Nova Esperança, próximo ao aterro sanitário de Feira de Santana. A vítima veio a óbito na emergência do Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA), conforme ocorrência policial. O corpo apresentava hematomas provocados por pedradas. O homem foi identificado como Edvaldo de Jesus. Após o crime, policiais da 65ª CIPM, comandados pelo sargento Queiroz, foram informados que o suspeito, Edmilson de Jesus, 39 anos, era irmão da vítima estava em um bar na rua Ferreira Costa, no mesmo bairro. Ao ser abordado pelos policiais, o suspeito confessou o crime e disse que o motivo foi uma discussão por causa de um par de sandálias. Ele contou ainda que desferiu duas pedradas na cabeça de Edvaldo depois que entraram em luta corporal. 

Detento morre em hospital após ser ferido no Conjunto Penal

Morreu na madrugada de quinta-feira (8) no Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA), Jocivaldo Ferreira Araújo, 35 anos, detento do Conjunto Penal de Feira de Santana.Segundo a polícia, ele se envolveu em uma briga com outro preso, no Pavilhão 9, e bastante ferido, foi socorrido para o hospital, mas não resistiu. Ainda de acordo com a polícia, a confusão aconteceu na manhã de quarta-feira (7). Um dos envolvidos utilizou uma arma branca para tentar atingir outro interno, que também foi socorrido.

Homem é assassinado e polícia encontra máquina caça níquel dentro de carro
Um homem de 35 anos foi assassinado a tiros na manhã de sábado (3) na rua Primavera, bairro Asa Branca, em Feira de Santana. A vítima foi identificada como Valério Moraes de Souza. Segundo informações, o homem estava em um veículo Uno, azul, de placa JSO-3463, licença de Salvador. No interior do carro foi encontrada uma máquina caça níquel.Uma equipe da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) esteve no local e ainda não há informações sobre a autoria e motivação do crime. A vítima morava rua G, bloco 58, apartamento 101, mesmo bairro onde ocorreu o crime, conforme ocorrência policial. 

Blog Central de Polícia, com informações de Denivaldo Costa e imagens de arquivo.




Nenhum comentário:

Postar um comentário