cidadegospel

terça-feira, 20 de junho de 2017

Taxista é assassinado no bairro Conceição; polícia suspeita de latrocínio

O taxista Evanildo de Souza Ferreira, 50 anos, foi morto com quatro tiros por volta das 22h desta segunda-feira (20), na rua da Penha, próximo ao cruzamento com a rua Penha, bairro Conceição II, em Feira de Santana.

O crime aconteceu no interior do veículo táxi, um Siena, branco, de placas OZF-8922. O taxista foi atingido com três tiros na nuca e um no pescoço. A polícia ainda não tem informação sobre o motivo e autoria do crime, mas de acordo com o delegado Fabrício Linard, que esteve no local com uma equipe da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), a suspeita é de latrocínio (roubo seguido de morte).
Ainda de acordo com o delegado, apesar de não terem levado o veículo, familiares deram pela falta do celular da vítima. O delegado informou que a perícia vai revelar como o crime foi cometido, mas os tiros deflagrados na nuca do taxista e apenas um disparo ter atingido o vidro do lado do motorista apontam que o autor estava no interior do veículo.

Familiares contaram para a polícia que o taxista já tinha sido assaltado há alguns meses e após ser colocado no porta-malas do carro, entrou em luta corporal com os bandidos e conseguiu fugir.
O taxista trabalhava no ponto da Estação Rodoviária de Feira de Santana. O delegado Fabrício Linard, presidiu o levantamento cadavérico e autorizou a remoção do corpo para o Departamento de Polícia Técnica (DPT), para ser necropsiado.


Blog Central de Polícia, com informações de Carlos Valadares e Marcos Valentim (Jornal Transamérica) e imagens reprodução/Boca de Zero Nove. (matéria atualizada)

Um comentário:

  1. É lamentável um pai de família morrer dessa forma trabalhando para levar o sustento para sua família que Deus possa confortar o coração dos familiares .

    ResponderExcluir