cidadegospel

terça-feira, 13 de junho de 2017

Morte de cabeleireiro foi crime passional, diz delegado

O assassinato do cabeleireiro Rúbens da Conceição Pimentel, 45 anos, ocorrido na noite do último sábado (10), foi crime passional, segundo investigações da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Em entrevista ao repórter Carlos Valadares, o delegado Gustavo Coutinho informou que o suspeito já foi identificado e está sendo procurado. De acordo com o titular da DHPP, o autor do crime foi o ex-companheiro de uma mulher com quem a vítima estava se relacionando.

O delegado contou ainda que o homem não aceitava o fim do relacionamento e já tinha anunciado antes que mataria o cabeleireiro. O suspeito já tem passagens pela polícia por porte ilegal de arma.

O crime

O cabeleireiro Rúbens da Conceição Pimentel, foi assassinado com vários tiros de pistola por volta das 20h de sábado (10), na rua Branca, bairro Conceição I, em Feira de Santana.

Segundo informações, Rúbens estava dentro do próprio local de trabalho quando desconhecidos invadiram o estabelecimento e o atingiram com tiros na cabeça e tórax.

Blog Central de Polícia, com informações de Carlos Valadares (Jornal Transamérica) e imagem divulgação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário