cidadegospel

quarta-feira, 10 de maio de 2017

Lançado edital para concurso da PM e Corpo de Bombeiros na Bahia

O tão aguardado edital para 2.750 vagas na área de segurança pública da Bahia saiu. O governador Rui Costa anunciou os detalhes nesta terça-feira (9), pelo Facebook, e prometeu para esta quarta a publicação no Diário Oficial do Estado (DOE). As inscrições serão de 15 de maio a 19 de junho pelo site do Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação - IBFC (www.ibfc.org.br). De acordo com o edital, 2 mil vagas são destinadas ao Curso de Formação de Soldado da Polícia Militar e 750 vagas são voltadas ao Curso de Formação de Soldado do Corpo de Bombeiros Militar. 

"Chegou a hora de se inscrever, escolher o local de fazer a prova e ajudar a segurança pública e esse trabalho maravilhoso feito pelo Corpo de Bombeiros", afirmou o governador. Com validade de um ano, prorrogável por igual período, o concurso terá duas etapas e será realizado pela Saeb e pelo IBFC, que na Bahia já é responsável pelos concursos públicos da Embasa e Agerba. 

A taxa custa R$ 70. Podem concorrer jovens de nacionalidade brasileira ou portuguesa, entre 18 e 30 anos, que tenham concluído ensino médio ou formação técnica profissionalizante de nível médio, sendo também observadas outras exigências do edital. 

Para o secretário da Segurança Pública, Maurício Barbosa, “esta é mais uma demonstração de que a Segurança Pública é uma prioridade do Governo do Estado. Novos efetivos são indispensáveis no combate à violência, permitindo ampliação do policiamento comunitário e da sensação de segurança dos cidadãos baianos”. 

Das duas mil vagas disputadas para ingresso na Polícia Militar, 1.819 serão destinadas a candidatos homens e 181 para candidatas mulheres. Para ingresso no Corpo de Bombeiros Militar, das 750 vagas ofertadas, 672 serão destinadas para homens e 78 para mulheres. Os candidatos poderão escolher, no ato da inscrição, a região para a qual tenham interesse.

Seleção e ingresso 
O concurso contará com duas etapas, com provas objetivas e discursiva, previstas para o mês de agosto. Será apenas um dia de seleção, com duração de quatro horas e trinta minutos. O resultado obedecerá à ordem de classificação, seguindo a publicação das notas finais em ordem decrescente, observando cargo, região e sexo.

O comandante-geral da PM, coronel Anselmo Brandão, ressalta que “a Polícia Militar está preparada para conduzir o processo seletivo e a formação dos novos profissionais que estarão servindo à sociedade baiana muito em breve. Todo o esforço que cada um dos futuros candidatos está realizando está prestes a ser colocado em prática. Recomendo ainda mais empenho e dedicação a cada um que pretende exercer essa tão nobre missão social nessa reta final”. 

Após a homologação do concurso, os candidatos habilitados serão convocados, dentro do quantitativo de vagas previsto de cada corporação, para a realização de exames pré-admissionais. Esta convocação será realizada pela Polícia Militar e pelo Corpo de Bombeiros Militar e os aprovados ingressarão no curso de formação das categorias, que também é de responsabilidade das corporações. Os alunos soldados que se formarem passarão a integrar, posteriormente, os quadros do Estado.

Fonte: Correio, com imagem reprodução.



Nenhum comentário:

Postar um comentário