cidadegospel

terça-feira, 24 de janeiro de 2017

No meio da rua, tem vários postes

“No meio do caminho tinha um poste, tinha um poste no meio do caminho...”  Parodiando o poema ‘No meio do caminho tinha uma pedra’ , de Carlos Drummond de Andrade, tivemos a liberdade de substituir a pedra por poste, ou melhor, postes; para ilustrar a reclamação de um ouvinte do Jornal Transamérica, sobre uma situação inusitada em Feira de Santana.

Pois é o que acontece na Estrada do Alecrim, na rua em frente ao Residencial Ponto Verde, região do Parque da Cidade. De quem será a culpa por essa ‘engenharia’? Sinalizaram os postes como se isso fosse o mais correto, quando deveriam ser recuados.

Talvez isso aconteça quando alguém morrer ao colidir com um desses postes. Coisas de Feira de Santana.

Blog Central de Polícia, com imagem reprodução

2 comentários:

  1. A quanto tempo existe este poste? quem chegou primeiro, os postes, a estrada ou o condomínio?????

    ResponderExcluir
  2. A historia é a seguimte
    Esta rua q vcs rsta vendo ai era uma rua bem estreita wuase um beco
    Ai alguns "intrligentes"alargaram a rua fizeram os condominios e deixaram os postes no mesmo lugar por isto eles edtao no meio da rua culpa dos engenheiros das autoridades em geral

    ResponderExcluir