cidadegospel

quarta-feira, 17 de maio de 2017

Após morte de triatleta, ciclistas protestam pedindo mais segurança

Um grupo de ciclistas de Feira de Santana, a cerca de 100km de Salvador, se concentrou, na tarde desta terça-feira (16), em frente à prefeitura da cidade para cobrar mais segurança para a prática do esporte na cidade. O motivo da manifestação foi a morte de um dos integrantes do grupo, atropelado por um caminhão na manhã desta terça, na Avenida Nóide Cerqueira. Após o acidente, o condutor fugiu sem prestar socorro.

O caso aconteceu no início da manhã, quando um grupo de ciclistas pedalava na avenida. Ao passar por um retorno, um deles, o empresário Valnei Passos Almeida, de 54 anos, foi atropelado pelo caminhão que fazia a curva.
Valnei morreu na hora e a bicicleta dele foi arrastada por vários metros. Valnei era triatleta, com vários prêmios, e iria participar de um campeonato no próximo domingo, em Salvador.

O velório e sepultamento de Valnei foram realizados nesta terça-feira, no Cemitério Jardim Celestial, no Bairro Sim, em Feira de Santana.

Para protestar contra o acidente, e cobrar mais segurança no trânsito, o grupo de ciclistas foi para a frente da prefeitura cobrar do prefeito José Ronaldo mais segurança no trânsito para quem anda de bicicleta na cidade. Os manifestantes querem que o município ofereça mais segurança para os ciclistas praticarem o esporte.

Os representantes dos ciclistas se reuniram com o secretário de Governo, Paulo Aquino, e com o superintendente de trânsito Maurício Carvalho. Segundo a Secretaria Municipal de Comunicação, ficou acertado que os ciclistas vão apresentar sugestões ao prefeito José Ronaldo até o início de junho para tornar a Avenida Nóide Cerqueira um local seguro e apropriado para a prática de atividades esportivas.

G1, com imagens TV Subaé



Nenhum comentário:

Postar um comentário